Top 5 características da cobra coral verdadeira e como diferenciá-la da falsa

Alguns acreditam que a coloração de uma é diferente da outra, o que não se mostra confiável por inteiro. Essas técnicas acabam gerando bastante confusão


A cobra coral é uma serpente pequena e de cores vibrantes. Atualmente existem mais de 35 tipos verdadeiros e 60 espécies falsas no país.

Contudo, e cobra coral é uma serpente pequena e bastante venenosa. Ela pertence à família elapidae, com cerca de 360 espécies no mundo. Esta cobra é muito encontrada em países da Ásia, África e Oceania. No Brasil, estão catalogadas cerca de 39 espécies.

Entretanto, distinguir uma cobra coral verdadeira da falsa é uma tarefa difícil. Alguns acreditam que a coloração de uma é diferente da outra, o que não se mostra confiável por inteiro. Essas técnicas acabam gerando bastante confusão.

Nesse sentido, é importante estar de olho em algumas características que cada uma delas possui. Todavia, na América Latina existem exemplares de corais falsas que são muito parecidas com as verdadeiras.

Principais características da cobra coral

A cobra coral é conhecida por sua coloração característica, geralmente em tons de preto, vermelho e amarelo. Entretanto, outras características devem ser destacadas:

1 – Características do corpo
Alguns acreditam que a coloração de uma é diferente da outra, o que não se mostra confiável por inteiro. Essas técnicas acabam gerando bastante confusão
Antes de mais nada, apresentam a cabeça oval e corpo cilíndrico, com escamas lisas. Tem olhos pequenos e pretos, além de musculatura cervical; que ajuda na escavação.

2 – Coloração
Alguns acreditam que a coloração de uma é diferente da outra, o que não se mostra confiável por inteiro. Essas técnicas acabam gerando bastante confusão
Possuem coloração característica, com anéis em torno do corpo em vermelho, amarelo, branco e preto. Algumas espécies, entretanto, possuem diferenças.

3 – Hábitos e dieta
Alguns acreditam que a coloração de uma é diferente da outra, o que não se mostra confiável por inteiro. Essas técnicas acabam gerando bastante confusão
Todavia, são animais de hábitos subterrâneos. Por isso habitam a camada superficial do solo. Quase nunca saem para se alimentar. A dieta é composta por pequenas serpentes e anfíbios.

4 – Reprodução
Alguns acreditam que a coloração de uma é diferente da outra, o que não se mostra confiável por inteiro. Essas técnicas acabam gerando bastante confusão
As fêmeas colocam ovos e após dois meses os filhotes nascem. Todavia, chegam a ter em média 17 centímetros de comprimento.

5 – Dentição e veneno
Alguns acreditam que a coloração de uma é diferente da outra, o que não se mostra confiável por inteiro. Essas técnicas acabam gerando bastante confusão
Possuem presa fixa, localizada na parte anterior da boca. Entretanto, o veneno da coral possui ação neurotóxica. Nesse sentido, pode causar dores musculares e outros sintomas.

Como diferenciar a falsa e a verdadeira?

A cobra coral é um animal venenoso e que geralmente desperta pavor. Devido à sua aparência estranha e até mesmo por ser peçonhenta, muitas pessoas tenham medo destes animais. Nesse sentido, é importante também saber diferenciar uma cobra coral falsa de uma cobra verdadeira:

1 – Coloração

A cobra coral verdadeira destaca-se pela sua coloração bem particular; com anéis pretos, vermelhos, brancos e amarelos por todo o corpo. Contudo, essa coloração é bastante copiada pelas espécies de cobra coral falsa; um mecanismo de defesa.

2 – Dentição
Alguns acreditam que a coloração de uma é diferente da outra, o que não se mostra confiável por inteiro. Essas técnicas acabam gerando bastante confusão
Antes de mais nada, o que diferencia a cobra coral falsa da verdadeira é a dentição. Na falsa, os dentes estão localizados na parte de trás da boca. Já a cobra coral verdadeira apresenta seus dentes na parte da frente da boca; facilitando a inoculação do veneno na presa.

3 – Veneno

Geralmente, grande parte das pessoas acreditam que a cobra coral falsa não tem veneno. E isto se revela um grande equívoco. O veneno das cobras corais está nos dentes. Nas cobras corais falsas, os dentes estão localizados na parte posterior da boca.

Todavia, são consideradas não peçonhentas pelo fato de que os dentes nesta posição dificultam a inoculação do veneno.

+ A cobra mais venenosa do mundo Taipan-do-interior
+ Confira as 7 curiosidades sobre a Ilha das Cobras
+ Confira as 10 cobras mais venenosas do mundo

Top 5 características da cobra coral verdadeira e como diferenciá-la da falsa
+ Confira os 6 insetos mais violentos do mundo
+ Curiosidades sobre a raríssima lagosta azul
+ Os animais mais esquisitos do mundo

Fotos: Divulgação

Veja também

Sutiã Romântico Luvlette

1° Sutiã Romântico Luvlette

Mais visitadas

Tatuagens femininas